Dor Lombar – O Que Pode Causar as Dores Lombares

0

Dor Lombar – O Que Pode Causar as Dores Lombares

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/dorneuropatica

Ao contrário do que muita gente pensa, nem toda dor nas costas é uma lombalgia. Apesar da dor lombar ser um dos problemas na coluna cada vez mais frequentes, uma das maiores queixas em consultórios e também uma das principais causas de afastamento do trabalho, existem tratamentos e formas de aliviar os seus sintomas. A dor lombar ou lombalgia costuma afetar 90% da população (cerca de 3 a cada 4 pessoas) em todo o mundo e requer maior atenção, pois seus sintomas se não forem tratados corretamente podem causar danos permanentes e prejudicar muito a qualidade de vida da pessoa. Por ser a mais comum das dores nas costas, a dor lombar costuma afetar não apenas pessoas de idade mais avançada, mas também os mais jovens por conta do número de horas que passamos sentados durante as longas jornadas de trabalho ou em uma postura incorreta.

Dor lombar ou lombalgia é o conjunto de manifestações dolorosas que acometem a região inferior da coluna vertebral (coluna lombar), próxima à bacia. Ou seja, a dor lombar não é uma doença, propriamente dita, mas um sintoma de problemas clínicos diferentes. Dessa forma, a dor lombar pode estar sendo desencadeada por inúmeros fatores, inclusive localizados em outros pontos do corpo (dor referida). Essa dor pode ser de dois tipos: aguda ou crônica.

Nesse vĂ­deo eu vou explicar mais quais as causas da dor lombar, quais os tratamentos para dores lombares, o que fazer para aliviar a dor na coluna, fique comigo nesse vĂ­deo.

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/dorneuropatica

Me acompanhe nos outros canais:

Site: http://willianrezende.com.br/
Facebook: http://facebook.com/neurologiahoje
LinkedIn: http://linkedin.com/in/willian-rezend…
E-mail: [email protected]

Inscreva-se no canal para saber tudo sobre neurologia, parkinson, insônia, dor miofacial, apneia do sono, alzheimer, esclerose múltipla, epilepsia, AVC, dor de cabeça e muito mais.

– Veja outros vĂ­deos do canal:

Neurologista – Para Que Serve o Neurologista

Epilepsia – O Que Ă© Epilepsia

Alzheimer – Quais SĂŁo os Primeiros Sintomas do Alzheimer

Saliva – Porque Eu Tenho Muita Saliva – Sialorreia

Parkinson – O Que Ă© Mal de Parkinson

Tremor no Olho – Porque Meu Olho Treme

Epilepsia – Como Curar Epilepsia

Sequelas do AVC – Como Tratar as Sequelas do AVC

InsĂ´nia – Como Acabar Com a InsĂ´nia

Pernas Inquietas – Como Aliviar SĂ­ndrome das Pernas Inquietas

Dor Lombar – O Que Pode Causar as Dores Lombares

#DorLombar
#WillianRezende
#Nuerologista
#Neurologia

O que são Infecções Oportunistas

0

Infecções oportunistas são infecções causadas por bactérias, vírus, protozoários, fungos etc, que geralmente não conseguiriam causar infecção em pessoas com imunidade normal, mas podem causar serias infecções em quem tem a imunidade baixa.
Saiba mais em: http://www.drakeillafreitas.com.br/sintomas-da-aids/

Dor Neuropática – Como Aliviar Dor Neuropática

0

Dor Neuropática – Como Aliviar Dor Neuropática

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/dorneuropatica

A dor neuropática é um tipo de dor crônica que ocorre quando os nervos sensitivos do Sistema Nervoso Central e/ou periférico são feridos ou danificados. Esse tipo de problema está presente em até 10% da população e pode ser incapacitante, causando diferentes sensações de dor.

A dor neuropática pode ser separadas em dois tipos:
Mononeuropatia – quando somente um trajeto nervoso está comprometido pela doença, a dor Ă© bem localizada, podendo afetar um lado do corpo ou da regiĂŁo (por exemplo, um lado da perna, do tĂłrax, da face). Ă€s vezes, mais de um nervo pode estar envolvido, causando dores em mais de um segmento do corpo (mononeuropatia mĂşltipla).

Polineuropatia – quando vários nervos estĂŁo alterados ou danificados, a dor aparece de forma generalizada, podendo, por exemplo, surgir no tronco, braços e pernas ao mesmo tempo.

A dor neuropática é uma dor intensa nos nervos do corpo que pode ser acompanhada por queimação, agulhadas, choques e hipersensibilidade ao toque, podendo ser acompanhada de formigamento ou adormecimento da região do corpo cujo trajeto nervoso esteja comprometido. No entanto, pode estar envolvido mais de um nervo, levando a uma dor generalizada, que pode afetar o tronco, as pernas e os braços.

A dor também pode ser acompanhada por uma sensibilidade exagerada a estímulos que habitualmente não causam dor, como o contacto com a roupa ou outros objetos, podendo persistir mesmo depois de remover o estímulo doloroso.

Pode ser contínua (presente durante todo o tempo) ou intermitente (em crises, surgindo em horários intercalados). A intensidade da dor varia de fraca a intolerável, dependendo do estágio da doença e do grau de comprometimento dos nervos.

Nesse vídeo você vai saber como acabar com a dor neuropática, quais os sintomas da dor neuropática, quais as causas da dor neuropática, qual o tratamento da dor neuropática, como diagnosticar a dor neuropática. Então se você quer saber mais sobre o que pode causar dor neuropática, continue comigo nesse vídeo.

#dorneuropatica #neuropatia #dorconica

Me acompanhe nos outros canais:

Site: http://willianrezende.com.br/
Facebook: http://facebook.com/neurologiahoje
LinkedIn: http://linkedin.com/in/willian-rezend…
E-mail: [email protected]

Inscreva-se no canal para saber tudo sobre neurologia, parkinson, insônia, dor miofacial, apneia do sono, alzheimer, esclerose múltipla, epilepsia, AVC, dor de cabeça e muito mais.

– Veja outros vĂ­deos do canal:

Neurologista – Para Que Serve o Neurologista

Epilepsia – O Que Ă© Epilepsia

Alzheimer – Quais SĂŁo os Primeiros Sintomas do Alzheimer

Saliva – Porque Eu Tenho Muita Saliva – Sialorreia

Parkinson – O Que Ă© Mal de Parkinson

Tremor no Olho – Porque Meu Olho Treme

Epilepsia – Como Curar Epilepsia

Sequelas do AVC – Como Tratar as Sequelas do AVC

InsĂ´nia – Como Acabar Com a InsĂ´nia

Pernas Inquietas – Como Aliviar SĂ­ndrome das Pernas Inquietas

Dor Neuropática – Como Aliviar Dor Neuropática

Diferenças entre Dengue, Zika e Chikungunya,

0

Apesar de serem transmitidas pelo mesmo mosquito e serem impossĂ­vel de se diagnosticar apenas pelos sintomas, Dengue, Zika e Chikungunya podem ter caracterĂ­sticas mais habituais a uma que a outra.
Saiba mais em: http://www.drakeillafreitas.com.br/duvidas-sobre-zika-dengue-e-chikungunya/

InsĂ´nia – Quando Ă© Normal Ter InsĂ´nia

0

InsĂ´nia – Quando Ă© Normal Ter InsĂ´nia

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/insonia

A insônia é caracterizada pela dificuldade de dormir ou conseguir manter um sono contínuo sem ser interrompido durante a noite. Cerca de 30% a 50% dos brasileiros sofrem com a insônia a maioria dessa porcentagem são mulheres, a insônia pode se manifestar por diversas razões, como estresse, ansiedade, depressão, dor crônica e uso de certos medicamentos. Saiba mais sobre as causas da insônia e como aumentar as chances de ter uma boa noite de sono.

Pessoas com insônia geralmente começam o dia já se sentindo cansadas, têm problemas de humor e falta de energia e têm o desempenho no trabalho ou nos estudos prejudicado por causa deste distúrbio.

Muitos adultos apresentam insônia em algum momento da vida, mas algumas pessoas têm insônia crônica, que pode perdurar por um período de tempo muito maior do que o normal. A insônia pode ser, ainda, um distúrbio secundário causado por outros motivos, como doença ou uso indevido de medicação.

A insônia pode, ainda, se tornar mais comum com a idade. Ruídos e outras alterações no ambiente podem despertar uma pessoa idosa mais facilmente do que alguém mais jovem.

Com a idade, o relĂłgio biolĂłgico muda, fazendo com que a pessoa se sinta cansada mais cedo Ă  noite e acorde mais cedo na manhĂŁ. Apesar disso, idosos geralmente precisam da mesma quantidade de sono que pessoas mais jovens.

Nesse vĂ­deo, eu vou explicar um pouco mais sobre quando a insĂ´nia Ă© normal, o que fazer para acabar com a insĂ´nia, quais os tratamentos para insĂ´nia. EntĂŁo se vocĂŞ quer saber mais sobre quando a insĂ´nia Ă© normal, fique comigo nesse vĂ­deo.

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/insonia

Me acompanhe nos outros canais:

Site: http://willianrezende.com.br/
Facebook: http://facebook.com/neurologiahoje
LinkedIn: http://linkedin.com/in/willian-rezend…
E-mail: [email protected]

Inscreva-se no canal para saber tudo sobre neurologia, parkinson, insônia, dor miofacial, apneia do sono, alzheimer, esclerose múltipla, epilepsia, AVC, dor de cabeça e muito mais.

– Veja outros vĂ­deos do canal:

Neurologista – Para Que Serve o Neurologista

Epilepsia – O Que Ă© Epilepsia

Alzheimer – Quais SĂŁo os Primeiros Sintomas do Alzheimer

Saliva – Porque Eu Tenho Muita Saliva – Sialorreia

Parkinson – O Que Ă© Mal de Parkinson

Tremor no Olho – Porque Meu Olho Treme

Epilepsia – Como Curar Epilepsia

Sequelas do AVC – Como Tratar as Sequelas do AVC

InsĂ´nia – Como Acabar Com a InsĂ´nia

Pernas Inquietas – Como Aliviar SĂ­ndrome das Pernas Inquietas

InsĂ´nia – Quando Ă© Normal Ter InsĂ´nia

#InsĂ´nia
#Sono
#WillianRezende
#Neurologista
#Neurologia

Quando procurar um médico por causa de febre

0

# Gestantes com febre
# Febre iniciada loco após viagem recente à lugares com doenças endêmicas, como áreas com histórias de Malária.
# Inicio de febre logo após alta hospitalar, procedimento cirúrgico, ou outro procedimento médico invasivo
# Febre durante tratamento com quimioterapia ou outro tratamento imunossupressor (nesses casos, procurar atendimento médico em caso de Temperatura oral maior ou igual a 38ºC por mais de uma hora ou imediatamente após de:
– Alcançar 38,3ºC)
– Febre que dura vários dias ou vai embora retorna depois de haver ido embora
# Febre apĂłs picada de inseto.
# Febre em pessoas com saúde grave como: diabetes, doença cardíaca, câncer, lúpus eritematoso sistêmico ou anemia falciforme
Febre associada a algum dos sintomas abaixo:
– Rash (manchas vermelhas na pele)
– Falta de ar
– Dor de cabeça severa ou dor na nuca
– Crise convulsiva
– Confusão mental
– Vômitos severos ou diarreia
– Dor intensa em barriga, costas ou lados.
– Qualquer outro sintoma que não seja comum ou te incomode.

Saiba mais em: http://www.drakeillafreitas.com.br/causas-de-febre-quando-nos-preocupar/

SuicĂ­dio

0

SuicĂ­dio

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/emocoes

O suicídio é um fenômeno complexo, multifacetado e de múltiplas determinações, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, classes sociais, idades, orientações sexuais e identidades de gênero. Mas o suicídio pode ser prevenido! Saber reconhecer os sinais de alerta em si mesmo ou em alguém próximo a você pode ser o primeiro e mais importante passo. Por isso nesse vídeo, vou falar um pouco sobre quais são os sinais do suicida, para que você fique atento(a) se a pessoa demonstra comportamento suicida e procure ajudá-la.

Os Dados da Organização Mundial da Saúde mostram que o suicídio é a segunda principal causa de morte entre jovens com idade entre 15 e 29 anos. Os mesmos dados ainda afirmam que cerca de 800 mil pessoas tiram a própria vida no mundo, a cada ano.

Um modelo que pode estar relacionado é o de estresse-diátese, através do qual uma série de problemas que se apresentam de forma longitudinal podem diminuir ou aumentar o limiar para que se desenvolva um comportamento suicida. Aqui, estariam relacionados: predisposição genética, fatores bioquímicos relacionados ao metabolismo, traços de personalidade, sensação de desesperança e aspectos relacionados ao suporte social. Gatilhos ou estressores poderiam precipitar a ação, como, por exemplo: uma tentativa prévia de suicídio (é o principal fator de risco para um ato futuro), presença de transtornos psiquiátricos, uso abusivo de álcool ou outras substâncias, perda do emprego, problemas financeiros, términos de relacionamentos, exposição à situações de violência, trauma ou abuso, dor ou doença crônica. Estima-se que para cada óbito por suicídio, 20 outras pessoas tenham tentado.

Nesse vídeo eu vou falar um pouco mais sobre prevenção do suicídio, fatores que levam uma pessoa cometer suicídio. Então se você quer saber mais sobre suicídio setembro amarelo, sinais de comportamento suicida, fique comigo nesse vídeo.

Me acompanhe nos outros canais:

Site: http://willianrezende.com.br/
Facebook: http://facebook.com/neurologiahoje
LinkedIn: http://linkedin.com/in/willian-rezend…
E-mail: [email protected]

Inscreva-se no canal para saber tudo sobre neurologia, parkinson, insônia, dor miofacial, apneia do sono, alzheimer, esclerose múltipla, epilepsia, AVC, dor de cabeça e muito mais.

– Veja outros vĂ­deos do canal:

Neurologista – Para Que Serve o Neurologista

Epilepsia – O Que Ă© Epilepsia

Alzheimer – Quais SĂŁo os Primeiros Sintomas do Alzheimer

Saliva – Porque Eu Tenho Muita Saliva – Sialorreia

Parkinson – O Que Ă© Mal de Parkinson

Tremor no Olho – Porque Meu Olho Treme

Epilepsia – Como Curar Epilepsia

Sequelas do AVC – Como Tratar as Sequelas do AVC

InsĂ´nia – Como Acabar Com a InsĂ´nia

Pernas Inquietas – Como Aliviar SĂ­ndrome das Pernas Inquietas

SuicĂ­dio

#SuicĂ­dio
#WillianRezende
#Neurologista
#Neurologia
#Psicologia
#DepressĂŁo

Tratamento do HIV

0

O tratamento do HIV hoje em dia é um tratamento eficaz, de baixos efeitos colaterais e com grande qualidade de vida e sobrevida para os pacientes. O tratamento do HIV é fornecido exclusivamente pelo SUS e nos temos que é de mais moderno e avançado no que se refere a terapia antiretroviral.

http://www.drakeillafreitas.com.br/?s=tratamento+HIV

Dor na Lombar – A Lombalgia

0

Dor na Lombar – A Lombalgia

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/dorneuropatica

A lombalgia é a dor que ocorre na região lombar inferior. A lombociatalgia é a dor lombar que se irradia para uma ou ambas as nádegas e/ou para as pernas na distribuição do nervo ciático. Pode ser aguda (duração menor que 3 semanas), subaguda ou crônica (duração maior que 3 meses).

A lombalgia é um problema extremamente comum, que afeta mais pessoas do que qualquer outra afecção, sendo a segunda causa mais comum de consultas médicas gerais, só perdendo para o resfriado comum. Entre 65% e 80% da população mundial desenvolve dor na coluna em alguma etapa de suas vidas, mas na maioria dos casos há resolução espontânea. Mais de 50% dos pacientes melhora após 1 semana; 90% após 8 semanas; e apenas 5% continuam apresentando os sintomas por mais de 6 meses ou apresentam alguma incapacidade.

Como existe um grande número de estruturas na coluna (ligamentos, tendões, músculos, ossos, articulações, disco intervertebral) há inúmeras causas diferentes para a dor. Somando-se a isso há inúmeras doenças sistêmicas não reumatológicas que podem manifestar-se com dor lombar.

A maioria das dores lombares é causada pelo “mau uso” ou “uso excessivo” das estruturas da coluna (resultando em entorses e distensões), esforços repetitivos, excesso de peso, pequenos traumas, condicionamento físico inadequado, erro postural, posição não ergonômica no trabalho e osteoartrose da coluna (com o passar do tempo, as estruturas da coluna vão se desgastando, podendo levar à degeneração dos discos intervertebrais e articulações). Outras causas incluem doenças inflamatórias como a espondilite anquilosante, infecções, tumores, etc.

Nesse vĂ­deo eu vou falar um pouco mais lombalgia, quanto tempo pode durar uma crise de lombalgia, o que pode causar lombalgia. EntĂŁo se vocĂŞ deseja saber mais sobre lombalgia, fique comigo nesse vĂ­deo.

🎯 Consulte Com Um Especialista Agora (Online ou Presencial)!
https://willianrezende.com.br/dorneuropatica

Me acompanhe nos outros canais:

Site: http://willianrezende.com.br/
Facebook: http://facebook.com/neurologiahoje
LinkedIn: http://linkedin.com/in/willian-rezend…
E-mail: [email protected]

Inscreva-se no canal para saber tudo sobre neurologia, parkinson, insônia, dor miofacial, apneia do sono, alzheimer, esclerose múltipla, epilepsia, AVC, dor de cabeça e muito mais.

– Veja outros vĂ­deos do canal:

Neurologista – Para Que Serve o Neurologista

Epilepsia – O Que Ă© Epilepsia

Alzheimer – Quais SĂŁo os Primeiros Sintomas do Alzheimer

Saliva – Porque Eu Tenho Muita Saliva – Sialorreia

Parkinson – O Que Ă© Mal de Parkinson

Tremor no Olho – Porque Meu Olho Treme

Epilepsia – Como Curar Epilepsia

Sequelas do AVC – Como Tratar as Sequelas do AVC

InsĂ´nia – Como Acabar Com a InsĂ´nia

Pernas Inquietas – Como Aliviar SĂ­ndrome das Pernas Inquietas

Dor na Lombar – A Lombalgia

#DorNaLombar
#Lombalgia
#WillianRezende
#Neurologista
#Neurologia

Ínguas podem significar doenças graves?

0

Ínguas podem significar doenças graves, mas deve ser avaliado por um médico e exames devem ser solicitados.

Saiba mais em: http://www.drakeillafreitas.com.br/inguas-e-suas-causas/